O estilo escandinavo veio para ficar. Surgido no século XX, sua inspiração vem das paisagens do norte da Europa mesclando cores e culturas das regiões da Noruega, Finlândia e Dinamarca. Este estilo consegue combinar vários sinônimos de design e decoração quando propõe em seus ambientes o uso de base neutra com predominância da cor branca ou tons claros no piso e paredes, linhas retas nos móveis usados em sua composição, e poucos objetos, o que faz com que o espaço transmita conforto, simplicidade e aconchego com um toque de sobriedade, resultando em ambientes contemporâneos, limpos visualmente, e especiais para aqueles que seguem a linha do “menos é mais”.

Em um quarto de bebê o estilo escandinavo é muito bem-vindo, posto que adota cores claras como o branco, cinza ou bege. Detalhes coloridos em alguns pontos do ambiente complementam a decoração.

Muito despojado, o estilo escandinavo prima pela simplicidade de detalhes. Sua composição geralmente tem elementos rústicos, e um mínimo de mobiliário, possibilitando muito espaço de circulação.

Com poucos móveis a inspiração escandinava muitas vezes aparenta improvisação, mas são espaços claramente pensados para transmitir bem-estar. O estilo opta por ambientes sem divisórias, e piso claro em madeira ou pintado de branco como forma de ampliar e arejar seus ambientes.

É válida a utilização de materiais mais brutos na composição de um ambiente em estilo escandinavo, como lâmpadas pendente em bocal sem luminária, tubulações aparentes e madeira crua.

O preto faz parte da decoração escandinava, seja ele em detalhe ou em um contraste marcante com piso e paredes claras, assim também como as linhas retas observadas na arquitetura de janelas e até mesmo em escadas.

As luminárias escolhidas para um projeto no estilo escandinavo são bem específicas quanto às formas definidas e simplicidade, numa combinação de minimalismo e modernidade. Os revestimentos de cadeiras e sofás, tapetes e almofadas, privilegiam tecidos naturais em tons neutros, como o algodão, linho e lã.

Considerada uma das características do estilo, as janelas sem cortinas permitem a entrada de luz natural no ambiente, juntando-se ao branco para iluminá-lo. O paisagismo, fazendo referência às paisagens naturais da Escandinávia, não pode deixar de se fazer presente.

O estilo escandinavo tem uma certa inspiração nos anos 50, lembrando muito o design limpo dessa década com móveis sóbrios e lineares. A opção por esse estilo traz muita vantagem pois, além de primar pelo funcionalismo, ele é totalmente atemporal.

A madeira não pode faltar em um ambiente estilo escandinavo, em uma referência clara à natureza e produtos artesanais do norte europeu. Pode ser usada no piso, como painel de madeira, ou nos móveis, de preferência em tons claros ou naturais, ou até mesmo na forma bruta, mostrando suas imperfeições.

O BE Design e Decor utiliza em seu blog imagens de sua autoria e terceiros, respeitando principalmente os direitos autorais do que é mostrado. Aqueles que identificarem uma foto de sua autoria, entre em contato conosco para adicionarmos os devidos créditos ou realizarmos a exclusão da mesma, se assim desejar. Obrigada!