Em se tratando de cama, cabeceira é a parte onde se deita a cabeça para descansar. Antigamente as cabeceiras costumavam ser usadas como a peça deste mobiliário adaptadas para isolar possíveis correntes de ar frio na cabeça do usuário. Atualmente elas servem a outros propósitos, como bem estar e beleza funcional.

Ao projetar um quarto, o ponto de partida sempre é a cama, seu tamanho e padrão. A visão da cama no quarto direciona toda a composição feita a partir de então.

Na reforma do quarto, pode-se pensar em adição ou modificação na cabeceira da cama. Existe uma variedade grande de cabeceiras em muitas lojas do ramo, de diferentes tamanhos, tecidos e modelos. Mas, para um estilo mais pessoal, menos comum, deve-se pensar em uma cabeceira original, criativa, que reflita mais a personalidade e gosto do usuário do quarto.

Esculturas de metal prata na parede, fazendo as vezes da cabeceira, complementam a proposta delicada deste quarto. A paleta de cores em tons pastéis encanta pela elegância e simplicidade da composição, inspirada pelas flores lavanda, e cores dégradé que seguem a partir de então.

A cama baixa em madeira imbuia ganha destaque com esta linda cabeceira composta de mosaico em tacos de madeira, recobertos em seda. O movimento que a proposta da cabeceira concede ao projeto e o paisagismo verde quebra a monotonia da aplicação do claro e escuro que o uso das cores marrom e bege promovem ao ambiente.

Uma proposta de cabeceira de cama moderna e bem diferente traz jovialidade a este quarto. Os números e letras, usados aleatoriamente, em diversos tamanhos, cores e espessuras, compuseram de maneira divertida sua ambientação, tornando-a unissex, podendo ser usado tanto por rapaz ou moça, como também por um jovem casal.

O aproveitamento da madeira de demolição rústica para a cabeceira da cama dá um toque aconchegante a este quarto. A iluminação embutida na peça destaca a cor de pátina desgastada, e a irregularidade da composição das réguas de madeira fazem um bonito trabalho, preenchendo o espaço entre janelas. O branco e azul usados no espaço suavizam a rusticidade da proposta.

Uma cama clássica de cabeceira em elegante estilo capitoné pode fazer parte de diversos projetos. A mistura de estilo aparece claramente na ambientação deste quarto, que possui como base piso de madeira rústica e parede de tijolos aparentes, caiada de branco. As mesas laterais linha reta moderna, contrastam harmonicamente com a variação da cadeira estilo Luiz XVI, o tapete oriental e o banco colonial.

Uma belissima peça esculpida em madeira, com motivos florais, pode ornamentar sua cama como uma pedra preciosa. A composição deste quarto é feita com poucas e simples peças, para dar destaque à cabeceira como ponto focal, que pode ser feita sob encomenda, ou pelo aproveitamento de uma peça existente como uma porta ou janela entalhada.

Com mobiliário moderno construído a partir do aproveitamento de árvores urbanas recuperadas, este projeto exala natureza em sua composição. A cor da parede em marrom escuro ressalta os diversos tons de madeira mais claros do ambiente. As duas peças posicionadas como cabeceira da cama são funcionais, e ao mesmo tempo figuram como esculturas decorativas.

Uma cabeceira diferente foi a proposta para este ambiente, que traz uma decoração temática de utilização de remos. Pode-se pensar em um quarto de casa de praia, ou de um atleta que pratique o remo como esporte, mas o fato é que os diversos tipos de madeira dos remos da cabeceira foram ressaltados pelos tons de branco e azul claro, perfazendo a um agradável projeto.

O BE Design e Decor utiliza em seu blog imagens de sua autoria e terceiros, respeitando principalmente os direitos autorais do que é mostrado. Aqueles que identificarem uma foto de sua autoria, entre em contato conosco para adicionarmos os devidos créditos ou realizarmos a exclusão da mesma, se assim desejar. Obrigada!